X
Menu
X

O que é polpa dentária?

Recoberto pela dentina, a polpa é um tecido mole que se estende da dentina até a raiz do dente e é composto por nervos e vasos sanguíneos, além de células do conjuntivo, fibras. A polpa dentária é a responsável pela vitalidade dos dentes.

O que é polpa dentáriaO tecido pulpar é composto de um material gelatinoso. Já os dois tecidos (polpa e dentina), formam uma unidade chamada de complexo dentino-pulpar. Durante a vida do ser humano, a polpa dentária costuma permanecer bem. Divisão da polpa dentária

A polpa dentária é dividida em polpa coronária e radicular. Conforme os estudos, o espaço ocupado pela polpa torna-se menor ao longo do tempo devido à constante produção de dentina. As funções da polpa são as seguintes:

  • Função Formativa: nesta região há dentinogénese, que são os odontoblastos que formam a dentina;
  • Função nutritiva: fornece nutrientes essenciais para formação da dentina;
  • Função defensiva: tem a capacidade de reação aos estímulos patológicos;
  • Função sensitiva: transmite estímulos neurais mediados através do esmalte ou da dentina para o centro nervoso;
  • Função reguladora: controla e regula o volume e velocidade do fluxo sanguíneo;

Endodontia: estudo da polpa dentária

A Endodontia é a área responsável por estudar a polpa dentária. Esta área é conhecida por fazer o estudo do tratamento de canal, mais conhecido por nós. Logo, é o tratamento de canal o responsável pela prevenção das doenças na polpa do dente.

Danos à polpa dentária

Quando ocorrem danos para a área da polpa dentária é necessário fazer um tratamento de canal, para a recuperação deste dente.  As causas mais frequentes para a danificação da polpa dentária são as seguintes: cárie, repetição de procedimentos dentários, traumas, bruxismo, doença gengival avançada entre outros.

Quando a polpa dentária fica irritada, ocorre pressão, inchaço e a dor no local.. Logo, se a bactéria destrói a polpa é necessário fazer a sua retirada.

Share